VIAGENS 26.NOV.2016

Vales emolduram a cidade

A Ferradura do Monte Cuco é o local ideal para admirar os vales que emolduram a cidade e o rio Guaporé.

A Ferrovia do Trigo, em Dois Lajeados, município que se emancipou de Guaporé em 1987, era uma linha de carga que foi construída entre os anos de 1910 e 1977 para transporte entre as cidades de Passo Fundo e Roca Sales. Hoje está desativada, mas ainda mantém as dezenas de túneis e viadutos que se faziam necessários para atravessar os vales ao longo do percurso.

 


Aliás, no trecho que corta o município de Dois Lajeados, os túneis e viadutos em sequência revelam paisagens que merecem ser fotografadas, como o Viaduto da Mula Preta, na divisa com Guaporé. A seis quilômetros da sede do município está o maior túnel da ferrovia, com 2.098 metros. Distante oito quilômetros do centro, na RS-129, está o Belvedere do Mattei, de onde é possível apreciar a vista panorâmica dos vales de Guaporé, de quem o município se emancipou em1897, e de outras cidades vizinhas. Um capitel em homenagem a São Cristóvão identifica o local.

 


Dois Lajeados conta ainda com a Ilha da Linha Emília, localizada no Rio Carreiro. O acesso é difícil, mas a visão através do penhasco compensa o esforço.


A Ferradura do Monte Cuco é o local ideal para admirar os vales que emolduram a cidade e o rio Guaporé. Fica a onze quilômetros da sede.

COMENTÁRIOS
© Copyright 2021 SIM Rede de Postos